Notícias › 06/07/2018

Província dos Capuchinhos da Bahia e Sergipe comemoraram seu aniversário de 35 anos com celebração do Tríduo

São Francisco de Assis um dia mudou sua concepção do que era viver e começou uma nova forma de vida. Sem a pretensão de arrastar ninguém, apenas iniciou uma caminhada solitária com Deus, que aos poucos, encantando as pessoas que o viam, agregou tanta gente que foi formando a Ordem Franciscana.

Os Frades Capuchinhos são, pois, fruto de uma das reformas da Ordem Franciscana. Suas marcas mais fortes sempre foram o hábito marrom, a barba, a austeridade, a missionariedade, a proximidade com o povo e sobretudo, a alegria no anúncio evangélico. Logo os capuchinhos se espalharam pelo mundo inteiro e chegaram ao Brasil, hoje somando no país mais de 1.100 frades, número que continua aumentando e é claro, chegaram também aos amados Estados da Bahia e Sergipe.

Nas terras baianas e sergipanas os frades estão presentes em mais de 15 cidades e, para preparar as comemorações de seus 35 anos de província, desde julho de 2017 a imagem peregrina de Nossa Senhora da Piedade, pertencente ao acervo do museu do Centro Cultural Frei Germano Citteroni, localizado em Salvador, está peregrinando por essas cidades.

Muito embora a missão dos Frades Franciscanos Capuchinhos esteja estabelecida nas terras da Bahia e Sergipe há mais de 300 anos, apenas foi elevada à categoria de Província há 35 anos, em 1983. A categoria de Província permite aos frades daquela determinada região terem uma maior autonomia no que diz respeito à organização de sua missão, tendo assim estabelecido um Governo Provincial, que por sua vez, tem como superior maior o Governo Geral da Ordem, com sede em Roma.

A organização deste governo, que é eleito por meio de voto secreto entre todos os frades de votos perpétuos, é feita por meio de um Ministro Provincial e mais 4 conselheiros. A eleição deste governo é realizada a cada 3 anos, de modo que se mantenha sempre o espírito de fraternidade e missão colaborativa, onde todos desempenhem papéis importantes para a manutenção e continuação da missão.

Atualmente, o Ministro Provincial é Frei Liomar Pereira da Silva, reeleito em 2016. Seus conselheiros são Frei Gilson Marinho, Frei Cristóvão Lima de Matos, Frei Hélio Silva e Frei Vandeí Santana.

No dia 02 de julho, dia tão importante para os baianos, que celebram o marco da independência do Estado, os frades celebram seus 35 anos de vida de Província Nossa Senhora da Piedade da Bahia e Sergipe.

Chamando de a “grande festa da fraternidade”, entre os dias 02 e 05 de julho, em Salvador, os frades estiveram reunidos para celebrar sua Assembleia Comemorativa. No entanto, antes de iniciar a assembleia, os frades comemoram com louvores a Deus e a Virgem Santíssima tão grande dádiva, celebrando um tríduo, presidido por 3 bispos, que outrora foram Superiores Provinciais desta mesma região.

Fonte: http://www.capuchinhos.org.br/noticias/detalhes/geral/triduo-prepara-provincia-dos-capuchinhos-da-bahia-e-sergipe-para-seu-aniversario-de-35-anos

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.