FFB Twitter Facebook Youtube webmail

Mensagem do Ministro Geral por ocasião da festa de Santa Clara de Assis

Confirmada a decapitação de franciscano na Síria

O frade franciscano Frei François Murad, de 49 anos

Damasco (Síria) – Um frade franciscano foi decapitado por rebeldes sírios em um mosteiro no norte do país, confirmou o Vaticano nesta terça-feira (2/7). O padre François Murad, de 49 anos, foi morto em 23 de junho durante um ataque de militantes das guerrilhas rebeldes ao convento onde ele havia se refugiado. O religioso foi decapitado diante de dezenas de pessoas que gritavam “Alá é grande”.


Segundo a Custódia Franciscana da Terra Santa, o Padre François era bem conhecido na região, para onde havia se retirado há alguns anos como ermitão, após ter realizado o noviciado franciscano para a Custódia em Roma, pois era originário da Síria. “Seus vínculos com a Custódia continuaram fortes e deslocava-se com frequências entre os diferentes conventos para ajudar e substituir os frades. Até o ponto em que tornou-se um dos nossos”, afirmou Frei Pierbattista Pizzaballa, Custódio da Terra Santa.


“Desde o começo da guerra na Síria, ele havia deixado sua ermida para cuidar de um frade enfermo e prestar serviços numa comunidade religiosa próxima, encontrando-se assim mais seguro. As circunstâncias trágicas de sua morte são sentidas especialmente na Custódia”, diz o comunicado.
A nota indica ainda para os grandes riscos que correm os sacerdotes que vivem na Síria, acrescentando que “os frades acolhem os refugiados em alguns conventos, que se converteram em verdadeiros dormitórios, além de distribuírem alimentos a todos que batem à porta”.


A Custódia sublinha que o sequestro de dois bispos dos quais não se tem noticias há dois meses e o bombardeio de um convento em território sírio em dezembro são o reflexo da difícil situação vivida no país. “A morte do Frei François foi um duro golpe para todos os frades. Apesar de tudo, eles continuam sendo uma grande ajuda espiritual para a população a quem servem”, diz o texto. Por fim, o comunicado lança um apelo à comunidade internacional para que se encontrem canais de diálogo com as forças militares presentes na Síria e se estabeleça uma trégua, para se trabalhar na conciliação das partes envolvidas no conflito”.

Adicionar comentário


SRLRN 709 Bloco: B Entrada 11/Brasilia - DF - CEP: 70.750-512 Tel: 61 3349-0157 - Fax: 3349-0156
© 2014 - FFB Familia Franciscana do Brasil - Todos os direitos reservados