Notícias › 13/12/2018

No Convento Santo Antônio, a 4ª Exposição Franciscana de Presépios

Rio de Janeiro (RJ) – Com o tema “Se Deus assim nos amou, também nós devemos amar uns aos outros”(1 João 4,11), foi aberta, no Convento Santo Antônio, do Rio de Janeiro, a 4ª Exposição Franciscana de Presépios. Na exposição será possível contemplar o mistério da Encarnação de Jesus representado através da arte com diversos materiais e técnicas, presépios oriundos de países como Alemanha, México, Itália, Peru, El salvador, Bolívia, Espanha entre outros e de cidades brasileiras: São Paulo, Rio de Janeiro, João Pessoa, Teresina, Recife, Belo Horizonte e Vila Velha-ES em cenários criativos, simples como o nascimento de Jesus e repletos de beleza e ternura. Cada presépio é um convite para o Amor. “Se Deus assim nos amou, também nós devemos amar uns aos outros”.

A exposição acontece num corredor do claustro do histórico convento e estão expostos no mobiliário antigo do acervo franciscano. O visitante, além de admirar a arquitetura conventual, poderá aproveitar o tempo do Advento para se preparar para o verdadeiro sentido do Natal: o Nascimento de Jesus. Para isso, o convento em seu ambiente sagrado tem missas na igreja e atendimento de confissões diariamente.

A curadoria e montagem é do frade museólogo, Frei Róger que, desde 2010, monta exposições de presépios na Província. Entre presépios, Sagrada Família e miniaturas são 35 obras na mostra.

Na capela de São Joaquim, de estilo barroco, dois presépios fazem ligação direta com o estilo artístico do ambiente. Um da Alemanha, talhado em madeira com pinturas, douração e detalhes em prata, de estilo barroco; e um outro de Recife, PE, também em madeira recortada e pintada, de estilo artesanal com muito movimento e colorido. As duas obras se complementam pelo estilo próprio de cada uma e dialogam com a belíssima capela barroca. Para Isabela Maria, visitante carioca que estava pela primeira vez no Convento, “a criatividade do frade artista é um dom divino, tem harmonia com os cenários e cada coisa desse lugar tão especial, e em cada detalhe podemos perceber na simplicidade de Deus”. Outra pessoa que ficou encantado foi o pequeno Bruno, que estava acompanhado dos seus pais. Ao ver um desenho infantil representando a cena do nascimento de Jesus, recordou de um trabalho feito na escola sobre o tema no ano passado. O frade responsável ficou admirado com a alegria do menino e o convidou a participar com um presépio de sua autoria no próximo ano. A felicidade da família foi imensa, já que o convite foi uma surpresa. A família costuma ir ao Convento sempre que vão ao centro da cidade.

Disponível em Franciscanos.org.br

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.