Notícias › 28/09/2018

CFFB lança e-book de Poemas e Músicas Clarianas

E-book de Poemas e Músicas Clarianas

Paz e Bem,
Irmãs e Irmãos em sintonia com Santa Clara de Assis e com a Conferência da Família Franciscana do Brasil.

De modo Fraterno estamos publicando os materiais recebidos através de nossa primeira Chamada de Publicação de Poemas e Músicas Clarianas. No período de 1º a 31 de agosto de 2018, admiradoras e admiradores, religiosas e religiosos consagrados, leigas e leigos de nossa querida Ordem Franciscana Secular do Brasil se dispuserem a escrever poemas e músicas sobre Santa Clara e a Fraternidade Universal.

Como próprio de nosso carisma, buscamos compreender e nos colocar no lugar de cada irmã e irmão que ousou participar e partilhar sua devoção a Santa Clara de Assis, assim como o conhecimento, a experiência e visão de nosso Planeta Terra, nossa Casa Comum, esta Fraternidade Universal que estamos inseridos.

De modo especial, além de agradecer aos participantes pelo envio, revisões, gravações, diálogo para o processo de análise e finalização dos poemas e das músicas, nos sentimos lisonjeados por nossos irmãos e irmãs que compuseram a Comissão Avaliadora, contribuindo com gentileza, cuidado e de modo francisclariano seus dons e aptidões.

Com isso, esperamos que estes poemas e músicas, partes de cada uma e cada um, de nosso convívio fraterno, de nossa devoção diante de tantos agradecidos a Deus, possa gerar bons frutos entre nossos familiares, amigos, conhecidos e na comunidade que fazemos parte e leitores.

Todas as imagens que compõe este e-book foram recebidas no mês de agosto e foram publicadas no Facebook da CFFB, juntamente com a trajetória de Santa Clara e os dados de quem nos enviou.

Desejamos uma excelente leitura, declamação, interpretação e descobertas que devem contribuir com nosso discernimento Fraterno Universal.

Santa Clara, rogai por nós.

Serviço de Comunicação

Clique aqui e baixe o e-book Poemas e Músicas Clarianas


		
		




		

		

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.