Espiritualidade › 04/06/2018

A reverência de São Francisco de Assis pela Eucarístia

(Frei Fábio Cesar Gomes, OFM) – São Francisco de Assis, motivado pelas determinações do IV Concílio do Latrão (1215) e pelas orientações da bula Sane cum olim do Papa Horório III (1219), realizou uma verdadeira “cruzada eucarística”, convidando as mais diversas categorias de pessoas (clérigos, religiosos, governantes, juízes, pessoas simples do povo) a reverenciarem o Corpo e Sangue do Senhor e a honrarem os ministros do altar.

Porém, certamente a maior motivação de Francisco para isso foi a sua admiração pela humildade de Deus na encarnação da qual a Eucaristia, para ele, representa a continuação, como ele claramente afirma na sua primeira Admoestação: “Eis que diariamente Ele se humilha como quando veio do trono real ao útero da Virgem; diariamente Ele vem a nós em aparência humilde; diariamente Ele desce do seio do Pai sobre o altar nas mãos do sacerdote” (1ª Admoestação 16-18). Para tal admiração, Francisco convida a humanidade e toda a criação quando diz: “Pasme o homem todo, estremeça a terra inteira, rejubile o céu em altas vozes quando sobre o altar, estiver nas mãos do sacerdote o Cristo, Filho de Deus vivo! Ó grandeza maravilhosa, ó admirável condescendência! Ó humildade sublime, ó humilde sublimidade! O Senhor do universo, Deus e Filho de Deus, se humilha a ponto de se esconder, para nosso bem, na modesta aparência do pão!” (Carta a toda Ordem 26-27).

E a resposta do coração humano a esse Deus que se humilha para nos amar, para nos atingir com Seu amor, não pode ser outra senão aquela da total confiança, da total entrega da própria existência a Ele, como continua a nos dizer Francisco: “Vede, irmãos, que humildade a de Deus e derramai diante d’Ele os vosso corações! Humilhai-vos para que Ele vos exalte! Portanto, nada de vós retenhais para vós mesmos, para que totalmente vos receba quem totalmente se vos dá!” (Carta a toda Ordem 28-29).

Que Francisco nos ajude a, como ele, vivermos uma vida eucarística, ou seja, uma vida que, a partir da admiração e da reverência pelo Santíssimo Sacramento, se expresse como gratidão, doação, humildade e comunhão.

 

Fonte: http://www.itf.org.br/a-reverencia-de-sao-francisco-de-assis-pela-eucaristia.html

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com